Kadix®

IA e as seis leis da robótica

IA e as seis leis da robótica

O vertiginoso surgimento da Inteligência Artificial e da Robótica em nossa sociedade fez com que os organismos internacionais começassem a considerar a necessidade de criar uma normativa para regular o seu uso e emprego, a fim de evitar eventuais problemas que possam surgir no futuro.

  1. Os robôs deverão contar com um interruptor de emergência para evitar situações de perigo.
  2. Os robos não poderão causar danos nos seres humanos. A robótica foi criada para ajudar e proteger as pessoas.
  3. O desenvolvimento de relações emocionais entre robôs e seres humanos não serão permitidos.
  4. Será obrigatória a contratação de um seguro destinado às máquinas de maior envergadura. Diante de qualquer dano material, os donos deverão assumir os custos.
  5. Os direitos e obrigações dos robôs serão classificados legalmente.
  6. Robôs e máquinas terão que pagar tributos para a previdência social. Sua entrada no mercado de trabalho impactará a mão de obra de muitas empresas. Eles deverão pagar impostos para subsidiar os benefícios destinados aos desempregados.

Ambas as tecnologias já estão mudando o mundo, e os números são a maior prova disso. A consultora norte-americana Gartner prevê que, no ano de 2020, 85% das interações com os clientes serão gerenciadas por IA. Ela também estima que o mercado de IA possa representar 127 bilhões de dólares em 2025, valor muito superior aos 2 bilhões de 2015. Estados Unidos e China vão assumir a liderança em investimentos.

Embora existam afirmações como a do filósofo sueco da Universidade de Oxford, Nick Bostrom, que prevê que “há 90% de possibilidades de que, entre 2075 e 2090, existam máquinas tão inteligentes como os humanos”. Ou, como a de Stephen Hawking, que afirma que as máquinas ultrapassarão totalmente os humanos em menos de 100 anos. A verdade é que a IA está longe de nos converter em seres obsoletos. A Inteligência Artificial vai nos tornar mais eficientes, permitindo a execução daquilo que nunca poderíamos fazer devido à sua complexidade. Já imaginou explorar partes do universo totalmente hostis para o ser humano? Graças a ela, um dia, isso será possível.

Skip to content